01 fevereiro 2012

Sporting, Djaló e as hienas

Existe uma anedota sobre as hienas. Um grupo de miúdos vai ao Jardim Zoológico e pergunta à professora as principais características deste animal.
“- As hienas emitem um som semelhante ao riso, alimentam-se das fezes dos outros animais e acasalam uma única vez por ano – diz a professora.
Resposta pronta de um aluno: Se as hienas comem merda e só f**em uma vez por ano, riem de quê?”

Ora bem, parece-me que se pode adequar esta anedota com os últimos comentários dos adeptos do Sporting acerca da contratação de Yannick Djaló pelo SL Benfica.
Sinceramente, não vejo mais valia nesta aquisição, mas tendo o aval de Jorge Jesus, tudo é (im)possível. Até aqui tudo mais ou menos normal.

Mas de repente, as gentes do Sporting ressuscitaram, saíram das suas campas moribundas e começaram com o festival de comentários jocosos sobre a transferência e sobre o próprio jogador – parece que ele nunca prestou (jogador formado no clube leonino, saliente-se). Relembro mais uma vez que é o SL Benfica que origina mais uma alegria aos “leões”, pois futebolisticamente, a época desportiva do Sporting está a ter contornos épicos!

Mas eu pergunto: num clube como o Sporting que praticamente se aniquilou na luta pelo título e encontra-se na tabela classificativa numa posição constrangedora; está a um passo de ser eliminado nas meias-finais na Taça de Portugal; joga mal, para não dizer pessimamente; assobia os próprios jogadores em Alvalade (diz quem lá vai ao estádio); humilha jogadores como o Bojinov em público; não vai ganhar um cêntimo com a transferência do “Floribela”… os adeptos do Sporting riem de quê?

1 comentário:

  1. Há uns anos, não sei se te recordas, aconteceu precisamente o mesmo com o capitão João Pinto. Diziam os benfiquistas que não jogava, etc. Memória curta, a tua!

    ResponderEliminar

Deixe o seu testemunho, pois o seu comentário é muito importante.

Comentários anonimos não serão aceites e nem publicados. Utilize a opção Nome/URL para deixar o seu nome.

Obrigado.