24 maio 2009

Serra de Montejunto

Adoro fazer caminhadas.
Este domingo fui até à Serra de Montejunto. Percorremos 7 Kms, acompanhados por um guia que nos foi informando alguns aspectos sobre alguns pontos estratégicos do percurso.
Vimos capelas e conventos, datados dos séculos XIII e XVIII; uma pequena fenda, que está a dar origem a uma gruta; um miradouro, de onde se avistava Cadaval, de entre outras localidades; e vimos a fábrica do gelo, onde nos foi explicado a maneira como era feito o armazenamento do mesmo. Só para se ter uma ideia, este gelo demorava cerca de 15 horas a ser transportado desta serra para Lisboa, acerca de 200 anos, através de burros, bois e navios.
O tempo estava instável, ora estava frio e nublado, ora o Sol aparecia e aquecia o pessoal, mas valeu a pena. Foi cansativo, mas consegui tirar fotos de paisagens espectaculares. Demorámos 4 horas a fazer a caminhada.
Que venha a próxima.

14 maio 2009

34

Pois é.
Às 14h 05m do dia 14 de Maio do longínquo ano de 1975, nasceu o bebé mais rosadinho e chorão de Portugal, segundo as palavras da Bela, a minha mãezinha, coitadinha…EU.
Quando era criança, o dia era uma festa. Na adolescência, o dia era passado em grandes paródias. Agora que me encontro na pré-pré-pré velhice, o dia é passado a preencher declarações de Iva.
Como prenda maior, continuo à espera da mudança. A tal. Será brevemente.
Quero agradecer a todas as pessoas que me vão dar os parabéns:
1. porque se vão lembrar;
2. porque vão ler este texto;
3. porque têm um lembrete no telemóvel;
4. porque têm apontado numa agenda;
5. porque amigos e familiares vão avisar com antecedência ou no próprio dia.
Para aquelas pessoas que se vão esquecer ou não se vão manifestar, também agradeço na mesma, embora possam fazer um exercício de memória. Faço anos a seguir ao dia da Fatinha, A Santa.
Mas há uma coisa que me está a intrigar. Pelo 6º ano consecutivo, eu faço 29 anos. Não deixa de ser estranho.

Parabéns para mim!

06 maio 2009

Lenny Kravitz: LLR 20(09)

Foi um bom concerto.
Lenny Kravitz provou ser um grande artista e um excelente profissional. E demonstrou isso em palco, tocando muito bem e interagindo com o público durante todo o espectáculo. Foi muito comunicativo e participativo e até parou literalmente o concerto para tirar dezenas de fotos para colocar no Facebook dele!
Bem acompanhado por vários músicos, tocou alguns clássicos que fizeram vibrar a plateia. I Belong To You, I’ll Be Waiting e Fly Away são prova disso.
Again foi cantada em dueto com a “nossa” Mariza, um dos pontos altos do concerto.
Let Love Rule foi cantada a uma só voz por todo o pavilhão, terminando com o electrizante Are You Gonna Go My Way?.
Também surpreendeu o pessoal, cantando trechos de músicas de Pink Floyd e Michael Jackson. Tal como no Rock In Rio do ano passado, Lenny voltou a exagerar no prolongamento de algumas canções.
Não tocou a minha música favorita Black Velveteen e esquece-se sempre de tocar Believe In Me e Mr. Cab Driver.
Kravitz passou no teste, mas tão cedo não vou ver este gajo. Já vi 3 vezes. É o suficiente.

Para fazer a primeira parte do concerto estiveram 9 instrumentistas franceses, Les Chevals. Tocaram só 5 músicas e a malta agradeceu. Muito barulho e nada de consistente.

P.S.: Marina, eu e a Mafinha não te vamos perdoar por não teres ido à porta do pavilhão levar as pipocas. Passámos uma fome desgraçada.

01 maio 2009

KIXA

8.
8 anos.
8 anos maravilhosos.

Não sei lidar com despedidas.
Pessoalmente foi difícil dizer-te adeus.
Neste momento, a escrever, a tarefa ainda se está a tornar mais complicada.

Tivemos momentos de alegria e de algazarra.
Tivemos momentos de solidariedade e de companheirismo.
Tivemos momentos de união e entre-ajuda.
Tivemos momentos de discussões…Sorry!

Fica a nossa AMIZADE, certamente. Para sempre.
Obrigado por teres sido minha “cara-metade”.
Obrigado por teres aturado este ganda malukko.

Lógico que este testemunho não ficaria completo, se eu não mencionasse uma pessoa que também partilhou muita coisa connosco nestes 8 anos: POP TEEN.

Admirei a coragem da tua decisão.
Deu-me forças para eu não baixar os braços.
Já trabalho nesse sentido.

Disse-te pessoalmente e escrevo aqui: és das pessoas com quem mais gostei de trabalhar.

Kixa de Mola, desejo-te toda a sorte do Mundo!!!

Beijo do Liketas.