29 outubro 2007

Horário de Inverno

Ontem, de madrugada, os relógios foram atrasados uma hora, quando os ponteiros indicavam duas da manhã. Escusado será de dizer que não fiquei à espera desta hora para mudar todos os relógios que possuo. Eu estava acordado àquela hora, mas eu mudei as “cebolas” quando eram onze e meia da noite. E que grande seca que foi para mudar os relógios de pulso, do vídeo, da sala, do telemóvel, da Hi-Fi, do carro, da televisão…
Mas a melhor parte é ouvir aquela frase espectacular “Os relógios vão ser atrasados uma hora? Que bom, vou passar a dormir MAIS uma hora!”
Meus amigos, a hora mudou, mas nós não vamos dormir mais uma hora nos próximos seis meses! Quanto muito, podemos ficar na ronha mais uma hora no domingo de manhã, mas se o pessoal tiver habituado a dormir um determinado número de horas fixas por noite, nem esses 60 minutos extras poderão ser considerados.
Parece aquela expressão LINDA que de vez em quando também oiço: “Hoje o Sol está quente!”. O Sol é e sempre será quente. Nunca o vi a tremer de frio!
Mas esta mudança de horário também tem o seu inconveniente: se “passei” a dormir mais uma hora, também é verdade que hoje eu vim para o trabalho uma hora mais cedo.
O que não é mau. Assim dou, antecipadamente, a carta à minha Tia Virgínia (private joke).

2 comentários:

  1. E se tiveres miudos pequenos que continuem a ter um "relógio" que não atrasa automáticamente, continuas a acordar à hora do costume...e se te deitaste 1 hora mais tarde a pensar que irias compensar com a "hora extra" do dia seguinte, acabas por dormir menos 1 hora...

    ResponderEliminar
  2. Eu cá ODEIO horário de Inverno...

    Saio do trabalho noite cerrada... Parece que o dia nem rende nada...

    ResponderEliminar

Deixe o seu testemunho, pois o seu comentário é muito importante.

Comentários anonimos não serão aceites e nem publicados. Utilize a opção Nome/URL para deixar o seu nome.

Obrigado.